Últimas Notícias
Home / BLOG / O pequeno varejo agora também é das grandes bandeiras!

O pequeno varejo agora também é das grandes bandeiras!

Dentro do mesmo movimento que acontece no Brasil, as grandes redes francesas de supermercado começam a criar pequenos pontos-de-venda na lógica proximidade, como o Carrefour Bairro está fazendo no Brasil. Assim, o Carrefour também lança seu Carrefour Market na França e seu Carrefour Express na Espanha. Em alguns países da Europa são proibidos grandes pontos-de-venda dentro das cidades, como forma de proteção ao pequeno varejo.

Sendo assim, esta também é uma maneira das grandes redes se aproximarem de seu público, pois com o desenvolvimento das pequenas mercearias, com a profissionalização do pessoal deste tipo de comércio e com a diminuição da diferença de preço para as grandes redes, fica cada vez mais difícil os consumidores terem tempo ou mesmo desejo de se deslocarem para fazer suas compras. Desse modo, essas redes estão buscando formas de se aproximar dos consumidores e encantá-los com seus preços e sua gestão de qualidade. Algumas redes estão criando sistemas de franquia das pequenas mercearias, onde toda a inteligência de gestão, entrega de produto, estratégia de mix etc, é desenvolvido pelas matrizes dessas bandeiras.

Assim, bandeiras como Monoprix desenvolvem pequenos pontos-de-venda adaptados à realidade do público regional onde estará seu mini-mercado. No caso da foto acima, é um “Monop’”, nome dado a seu pequeno formato de PDV, que está localizado perto da estação de trem Montparnasse, local de movimento de jovens, viajantes, além dos moradores da região. Sendo assim, logo na entrada encontramos mesas, lanches e bebidas para não perder os mais apressados que desejam comer alguma coisa.

O pequeno varejo agora também é das grandes bandeiras!

Depois percebemos que o PDV foi adaptado à realidade física do local e entramos em uma espécie de labirinto, onde efetivamente encontramos tudo que precisamos com uma escolha reduzida em “profundidade”, mas “larga” em variedade. Detalhe importante, este pequeno varejo fica aberto até mais tarde e resolve o problema de uma série de executivos que trabalham até mais tarde e que moram na região.

O pequeno varejo agora também é das grandes bandeiras!

Na comunicação a mensagem é simples e certeira, pois deixa claro o posicionamento da nova bandeira: De 9 horas à meia-noite, o essencial para seu cotidiano, pratos frescos e preparados para seu prazer e facilidade, um lugar de convivência e caloroso, uma solução para suas necessidades e gestos simples para uma vida responsável. Ele não poderia terminar de outra forma, pois o movimento de consumo consciente é irreversível. Para fechar esse formato certeiro, ele assina sua marca com o slogan “MONOP cúmplice de sua vida de todo dia”, se posso traduzir desta forma para não ficar estranho em português, pois em tradução direta seria “Cúmplice de sua vida de hoje”.

O consumidor francês, assim como o brasileiro, resolveu trocar os grandes supermercados por mercearias e mercadinhos, então os grandes resolveram virar pequenininhos. Se Maomé não vai à montanha, a montanha vai a Maomé!

Postado por Mundo do Marketing – 14/10/2009

Deixe um comentário

x

Check Also

Perfumarias e cosmética natural crescem no país

Hoje falarei um pouco sobre o setor de higiene pessoal, ...

Soho – A transformação do invisível é a chave do sucesso!

Na terça-feira passada (09/12) dei uma palestra sobre “A transformação ...

Na era do Shopper Marketing, Darty continua se reinventando

A rede francesa de lojas de eletroeletrônicos Darty sempre trabalhou ...